terça-feira, 7 de setembro de 2010

Exercícios de Geografia do Rio de Janeiro III

Nas questões que se seguem, assinale:

C – se a proposição estiver correta
E – se a mesma estiver incorreta

01) Existem no estado duas unidades de relevo: a Baixada Fluminense, que corresponde às terras situadas em geral abaixo de 200m de altitude, e o Planalto ou Serra Fluminense, acima de 200 metros.

02) A Baixada Fluminense acompanha todo o litoral e ocupa cerca de metade da superfície do estado. Apresenta largura variável, bastante estreita entre as baías da Ilha Grande e de Sepetiba, alargando-se progressivamente no sentido leste, até o rio Macacu. Nesse trecho, na capital, erguem-se os maciços da Tijuca e da Pedra Branca, que atingem altitudes um pouco superiores a 1.000 metros. Da baía da Guanabara até Cabo Frio, a baixada volta a estreitar-se numa sucessão de pequenas elevações, de 200 a 500 metros de altura, os chamados maciços litorâneos fluminenses. A partir de Cabo Frio, alarga-se novamente, alcançando suas extensões máximas no delta do rio Paraíba do Sul.

03) O Planalto ou Serra Fluminense ocupa o interior do estado, por isso está localizado entre a Baixada Fluminense, ao sul e o vale do rio Paraíba do Sul. A elevação da Serra do Mar, ao norte da baixada, forma o seu rebordo. A Serra do Mar recebe diversas denominações locais: serra dos Órgãos, com o Pico Maior de Friburgo (2.316 metros), a Pedra do Sino (2.263 metros) e Pedra-Açu (2.232 metros), das Araras, da Estrela e do Rio Preto. A serra da Mantiqueira cobre o noroeste do estado, ao norte do vale do rio Paraíba do Sul, onde é paralela à Serra do Mar. O ponto mais alto do Rio de Janeiro, pico das Agulhas Negras (2.791 metros) localiza-se no maciço de Itatiaia, que se ergue da serra da Mantiqueira. Para o interior, o planalto vai diminuindo de altitude, até chegar ao vale do rio Paraíba do Sul, onde a média cai para 250 metros. A nordeste, observa-se uma série de morros e colinas de baixas altitudes.

04) Grande parte da economia do estado do Rio de Janeiro se baseia na prestação de serviços, tendo ainda uma parte significativa de indústria e pouca influência no setor de agropecuária.

05) 62,1% em representação do seu PIB representam a prestação de serviços em áreas como telecomunicações, audiovisual, tecnologia da informação - TI, turismo, turismo de negócios, ecoturismo, seguros e comércio. A cidade do Rio de Janeiro é sede da maior parte das operadoras de telefonia do país, como TIM, Oi, Telemar (Oi e Telemar são do mesmo grupo), Embratel,Vésper (a Embratel e Vésper também são do mesmo grupo) e Intelig (recentemente adquirida pelo grupo TIM). No setor de vendas em varejo o estado também ocupa posição de destaque. No Rio de Janeiro estão as sedes de grandes cadeias como Lojas Americanas - e, por conseguinte, de empresas por ela controladas como Blockbuster, Americanas.com e Submarino.com -, Ponto Frio e Casa & Vídeo.

06) Em seguida, com 37,5% do PIB vem a indústria - metalúrgica, siderúrgica, gás-química, petroquímica, naval, automobilistica, audiovisual, cimenteira, alimentícia, mecânica, editorial, têxtil, gráfica, de papel e celulose, de extração mineral, extração e refino de petróleo. A indústria química e farmacêutica também ocupa papel de destaque na economia fluminense. Segundo dados da Associação Comercial do Rio de Janeiro, dos 250 laboratórios existentes no país, 80 operam no estado, com destaque para Merck, Glaxo, Roche, Arrow, Barrenne, Casa Granado, Darrow Laboratórios, Gross, Baxter, Schering-Plough, Musa, Daudt, Lundbeck, Mayne e Mappel. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no bairro de Manguinhos, é o maior laboratório público da América Latina e um dos maiores do mundo e ocupa posição de destaque na pesquisa de remédios para diversas moléstias. A Ceras Johnson, fabricante de inúmeros produtos de limpeza e desinfetantes também tem sede no Rio de Janeiro.

07) O estado do Rio de Janeiro, possui o maior nível de educação no Brasil. Apesar da precariedade, os estudos mostram que a nível nacional, escolas públicas fluminenses possuíram bons índices de aproveitamento no último censo.

08) O estado possui um bom número de universidades federais do Brasil, sendo elas: Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), maior universidade federal do país, Universidade Federal Fluminense (UFF), Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) e Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio). As demais, Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Universidade Estadual da Zona Oeste (UEZO), Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF) também possuem grande destaque, e são mantidas pelo governo fluminense.

09) A microrregião da Bacia de São João é uma das microrregiões do estado brasileiro do Rio de Janeiro pertencentes à mesorregião das Baixadas. Possui uma área de 1.629,8 km² e sua população foi estimada em 2006 pelo IBGE em 100.420 habitantes e está dividida em três municípios.

10) A microrregião dos Lagos ou região Metropolitana de Cabo Frio (como é popularmente conhecida) é uma das microrregiões do estado brasileiro do Rio de Janeiro pertencentes à mesorregião das Baixadas. Possui uma área de 2.004,003 km², sua população atual gira em torno de 520 mil habitantes e está dividida em sete municípios em torno das lagoas de Araruama e Saquarema.A região tem forte apelo turístico local e sua economia está baseada também na produção de sal e minerais alcalinos. O principal acesso rodoviário, partindo da cidade do Rio de Janeiro, é a estrada Via Lagos.As mais populosas são as cidades; Araruama (109.705 hab,IBGE/2009) e Cabo Frio (186.004 hab,IBGE/2009).

11) A microrregião de Itaperuna é uma das microrregiões do estado brasileiro do Rio de Janeiro pertencentes à mesorregião do Noroeste Fluminense. Possui uma área de 3.128,656 km² e sua população foi estimada em 2008 pelo IBGE em 202.764 habitantes e está dividida em sete municípios.

12) A microrregião de Nova Friburgo é uma das microrregiões do estado brasileiro do Rio de Janeiro pertencentes à mesorregião do Centro Fluminense. Possui uma área de 2.088,067 km² e sua população foi estimada em 2006 pelo IBGE em 227.982 habitantes e está dividida em quatro municípios. O principal município da microrregião, como já diz o nome, é Nova Friburgo, que concentra as suas principais atividades comerciais e industriais.

13) A microrregião de Três Rios, conhecida, em conjunto com a microrregião de Vassouras, como Centro-Sul Fluminense, é uma das microrregiões do estado brasileiro do Rio de Janeiro pertencentes à mesorregião do Centro Fluminense. Possui uma área de 1.664,409 km² e sua população foi estimada em 2006 pelo IBGE em 154.542 habitantes e está dividida em cinco municípios.

14) Santo Antônio de Pádua é uma das microrregiãos do estado brasileiro do Rio de Janeiro pertencentes à mesorregião do Noroeste Fluminense. Possui uma área de 2.244,889 km² e sua população foi estimada em 2006 pelo IBGE em 124.678 habitantes e está dividida em seis municípios.

15) A microrregião de Cantagalo-Cordeiro é uma das microrregiões do estado brasileiro do Rio de Janeiro pertencentes à mesorregião do Centro Fluminense. Possui uma área de 1.263,088 km² e sua população foi estimada em 2006 pelo IBGE em 61.120 habitantes e está dividida em quatro municípios.

                                                    Gabarito

01-C; 02-C; 03-C; 04-C; 05-C; 06-C; 07-C; 08-C; 09-C; 10-C; 11-C; 12-C; 13-C; 14-C; 15-C

Um comentário: